Saiba tudo sobre a vacina contra a gripe
 

Infectologista responde perguntas sobre a campanha de imunização que começa no dia 17.
O Ministério da Saúde resolveu antecipar o início da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe deste ano. A medida foi tomada, levando em conta o aumento precoce dos casos de gripe registrados no ano passado, que começaram a surgir logo nos primeiros meses do ano, ainda durante o verão.
As imunizações estão previstas para iniciar no dia 10 de abril para trabalhadores da saúde e 17 de abril, para o público-alvo da campanha.
Dr. Alcides Poli, médico infectologista do Hospital Santo Antonio de Votorantim, tira as principais dúvidas e conta as novidades sobre a vacina deste ano:
Tomei a vacina no ano passado, preciso tomar novamente?
Sim. Todos os anos, a vacina é atualizada, pois os vírus sofrem mutações, ou seja, a vacina que você tomou no ano passado não protege contra os vírus deste ano. A vacina deste ano sofreu atualizações nos subtipos do vírus H1N1. Os vírus tipo B e H3N2 são os mesmos do ano passado.
A vacina protege contra todos os tipos de gripe?
Não. A vacina que o Governo Federal irá distribuir foi produzida para proteger contra os tipos de gripe mais frequentes no Brasil, como o H1N1 e o Influenza. Existem inúmeros tipos de gripe não cobertos pela vacina, no entanto, estes são bem mais raros, representando poucos riscos à população.
Todos as pessoas precisam tomar a vacina?
Não. Em princípio a campanha irá focar os esforços em imunizar os grupos mais vulneráveis e expostos às gripes, como os profissionais de saúde, crianças, gestantes e idosos, por exemplo. Depois de um determinado período, o Ministério da Saúde pode liberar a vacinação para todas as pessoas.
Existem pessoas que não podem tomar a vacina?
Apenas alérgicos à proteína de ovos não podem tomar a vacina. Pessoas debilitadas e com infecções graves também devem evitar.
Quanto tempo a vacina demora para fazer efeito?
A vacina demora de 2 a 3 semanas para fazer efeito. Depois deste tempo, o corpo fica protegido por cerca de 1 ano, necessitando o reforço periódico.
Onde posso tomar a vacina?
A vacina contra a gripe é disponibilizada em todos as unidades básicas de saúde do país, de forma gratuita. Em clínicas particulares, também é possível encontrar a versão paga da vacina, que é um pouco diferente por proteger de mais um tipo de gripe, além dos demais já presentes na vacina gratuita.
Posso ficar gripado ao tomar a vacina?
Não. O que acabou por gerar receio de que a vacina pode provocar gripe foram os casos em que pessoas tomaram a vacina e já estavam infectadas, mas ainda não apresentavam os primeiros sintomas. Desta forma, poucos dias após a vacinação, ocorreram os sintomas, erroneamente associados à imunização. Outra ocorrência é uma leve reação do organismo à vacina, que manifesta sintomas semelhantes ao da gripe, mas sem representar riscos.
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: (15) 2101-0001 ou pelo site: www.hospitalsantoantonio.com.br.